Vencer A Ira

Pouco tempo atrás, Deus ensinou-me o método para aplacar a ira. Portanto, desejo transmitir aos leitores esta boa-nova. Certamente, não há nada que cause ao ser humano, enquanto habitante deste mundo, tanto sofrimento quanto a ira.

Embora sejam raros, existem indivíduos que nunca ficam irados, dando a impressão de que são felizes. Contudo, eles são pessoas com comportamento fora do normal. Entre as pessoas comuns, podemos afirmar que quase não existem as que não ficam com raiva. Desde os tempos antigos, existem métodos de auto-aperfeiçoamento para vencer a ira, como o tokyujutsu48, entre outros, mas é muito difícil encontrar um que seja realmente eficiente. Se a questão fosse apenas contê-la, poderíamos nos livrar do sofrimento que ela nos causa, mas isso de nada adianta já que surgem outras aflições a serem refreadas. Quanto maior for o sofrimento causado pela ira, proporcionalmente maior será a angústia para controlá-la. Por essa razão, o sofrimento duplica. Contudo, por intermédio do método que Deus me ensinou, é possível neutralizá-la com facilidade. Realmente, é uma maravilha! Vou expô-lo a seguir.

O local denominado desde a antiguidade como “boca do estômago”, situado no centro do corpo humano, é uma região muito importante, chamada plexo solar. Dizem frequentemente que o umbigo é o centro do corpo e da região abdominal.

É também o centro das vontades, tais como a coragem, a determinação e a capacidade de decisão.

Como sempre tenho afirmado, a parte frontal da cabeça comanda a razão, que está relacionada à inteligência, à memória etc.; a parte posterior comanda os sentimentos como a alegria, a ira, a tristeza, o prazer, entre outros. Por conseguinte, a consubstanciação da trilogia vontade, razão e sentimento, conforme já disse, está localizada no plexo solar, ou seja, também por ocasião do surgimento da ira, o pensamento [sonen] ali se concentra. Quando isso ocorre, o que sentimos, em primeiro lugar, é algo como se houvesse um nó na região do plexo solar. Creio que a maioria já experimentou essa sensação e sabe disso. Existe a expressão hara49ga tatsu, que significa “ficar com raiva” e remete à imagem de um nó que faz “erguer” o plexo solar.

Quando a pessoa com raiva recebe Johrei nesse local, logo se sente aliviada como se um nó estivesse se desatando e, junto a uma sensação agradável no peito, percebe que a mente vai-se tornando mais leve e até se envergonha por ter se zangado. Daí a expressão: “A raiva passou.” É isso o que realmente acontece.

Além do mais, uma vez que o Johrei possibilita não só a cura de outras pessoas, mas também do próprio ministrante, nada supera o Johrei. Ora, a ira é a causa não só dos conflitos pessoais e familiares, mas em uma escala maior, também dos conflitos sociais e da quebra da paz no cenário internacional.

Dessa forma, podemos afirmar que o Johrei constitui realmente uma grande salvação.

Jornal Eiko no 106, 30 de maio de 1951

Alicerce do Paraíso vol. 4 pág. 99

 

 

Tokyujutsu: método de autoaperfeiçoamento criado por Marumitsu Yokoyama (1780–1854) em 1834. O tokyujutsu ensina que a personalidade e as características de uma pessoa são determinadas por factores como o dia do nascimento e as feições do rosto. Uma vez compreendendo essas características, a pessoa busca corrigir suas falhas e vícios inatos no intuito de purificar os sentimentos, melhorar o destino e se tornar feliz.

Hara: significa barriga ou região abdominal. Em língua japonesa, há várias expressões com a palavra hara que se referem ao ser humano e às suas características no campo das vontades. Por exemplo, hara ga dekiteiru indica que a pessoa é decidida; futotta hara da significa que é uma pessoa magnânima e corajosa e hara ga suwatte iru quer dizer que é uma pessoa resoluta.

127 Views

Partilhar amor

Procura mais alguma coisa?

Relacionados:

Experiência de fé do dia
Reminiscência do dia
Ensinamento | Estudo Diário