Variedade nas Refeições

Comecei a dedicar como cozinheiro de Meishu-Sama em 1948. No início, eu não tinha ideia sequer do que servir nas refeições. Entretanto, após cozinhar umas duas ou três vezes, passei a conhecer seu gosto. Como ele era de Tóquio, possuía o paladar característico dos moradores dessa cidade.

Após ter se mudado para o bairro de Shimizu, ele me pedia para preparar pratos que eu nunca havia feito antes como, por exemplo, uma refeição chinesa completa. Sem conseguir dizer que nunca a fizera antes, eu me empenhava ao máximo, tentando oferecer-lhe o melhor possível.

O fato de não conseguir dizer “nunca fiz” não era somente por se tratar de uma solicitação de Meishu-Sama, mas também pela confiança que sentia em mim mesmo por ele acreditar na minha capacidade. Assim sendo, esforcei-me em melhorar cada vez mais.

Um servidor

Reminiscências sobre Meishu-Sama vol. 4

35 Views

Partilhar amor

Procura mais alguma coisa?

Relacionados:

Experiência de fé do dia
Reminiscência do dia
Ensinamento | Estudo Diário