Maria Brígida Nkula – NJ Soyo/RS Kitona – Angola

O meu nome é Maria Brígida Nkula, sou Missionária e dedico como Responsável da rede da salvação.

Conheci a Igreja Messiânica Mundial de Angola em 2013, por intermédio do meu irmão que é membro da nossa Igreja e tornei-me membro em 2016.

Os motivos que estiveram na base do meu encaminhamento foram: doenças, conflitos familiares, insônias, dificuldades de alcançar, barulho de gatos nas janelas e portas e maus sonhos.

Durante 13 anos vivi essa situação, até que meu irmão me encaminhou à Igreja. Fui recebida pelo plantonista que me orientou as práticas básicas da Igreja e ao colocá-las em prática, sem dificuldades, tudo foi ultrapassado. Porém continuei com a dificuldade de alcançar. Mas, isso não me impediu de manifestar a minha profunda gratidão ao Supremo Deus e ao Messias Meishu-Sama, pois tinha conseguido a felicidade que há 13 anos procurava a todo custo.

A experiência de Fé que passo a relatar aos senhores, está relacionada com a prática correcta do dízimo e das orientações contidas nos aprimoramentos que tenho participado online durante esta fase da quarentena!

Desde então, eu vinha praticando o dízimo de acordo com a minha conveniência. Muitas vezes intercalava, um mês sim, outro mês não e assim sucessivamente.

Por permissão de Deus e do Messias Meishu-Sama, nesta fase de quarentena comecei a estudar o livro “Visão para a Expansão “. Encontrei uma passagem das orientações do Reverendíssimo Tetsuo Watanabe, onde dizia que as pessoas que são úteis a Deus são protegidas por Ele. Mais adiante Ele acrescentou:

Senhores, pratiquem o dízimo durante um ano! Um ano inteiro, todo o mês sem falhar. Para aquelas pessoas que fizeram religiosamente o dízimo todo o mês, e mesmo assim ficaram na infelicidade, eu vou devolver todo o dinheiro que ofereceram durante os doze meses acrescido de juros. Eu já assumi este compromisso com milhares de membros e até hoje nenhuma pessoa sequer veio me dizer: “quero o meu dinheiro de volta”, fim de citação.

Consciente das falhas que tenho tido com relação à prática do dízimo, e analisando as grandes dificuldades financeiras e materiais que tenho vindo a passar, tomei a decisão de entrar no desafio de passar a fazer correctamente os donativos referentes aos valores que me chegavam às mãos.

Até aí, meu marido dava-me uma mesada de 30.000.00 Kwanzas. Após iniciar a prática correcta dos donativos, 2 meses depois, meu marido entregou-me a quantia de 70.000.00 Kwanzas a fim de comprar um fogão, pois estávamos a usar um por empréstimo. No mês seguinte, recebi novamente do esposo a quantia de 150.000.00 Kwanzas, desta vez para adquirir uma arca.

A outra experiência de fé está relacionada a importância das práticas básicas nos lares durante a quarentena. Ao colocar em prática no meu lar, surpreendentemente começaram a aparecer pessoas para receberem Johrei. Com esta postura, vivenciei os seguintes milagres:

1)- Um frequentador que durante mais de 3 anos vivia desesperado devido à pobreza, conflito e doenças motivados pelo desemprego, aparecia diariamente para receber Johrei. Após 3 dias, conseguiu um emprego com o salário de 43.000.00 Kwanzas. Materializou sua gratidão e está a frequentar a nossa Igreja. Ele está sendo acompanhado para não cair na ingratidão. Ele acreditou que a Igreja Messiânica veio para salvar as pessoas!

2)- Um frequentador, que tinha uma ferida crónica há mais de oito anos, provocando-lhe dores intensas e dificultando suas deslocações, começou a receber Johrei diariamente. Depois de duas semanas, a ferida curou e as dores desapareceram.  Tornou-se um frequentador assíduo, faz donativos e é candidato à outorga.

Com todas estas experiências, aprendi que colocando em prática as orientações superiores, alcançamos a salvação e ao mesmo tempo nos elevamos espiritualmente.

Encaminhei 40 pessoas à Igreja, dos quais 3 são membros e cuido de 8 casas, sendo 2 de membros e 6 de frequentadores num total de 2 membros e 23 frequentadores.

O meu compromisso é aprofundar nas orientações superiores, encaminhar mais pessoas, levá-las ao lugar de honra da fé e transformar a rede da salvação em Johrei Center ainda este ano.

Agradeço ao Supremo Deus, ao Messias Meishu-Sama e aos meus Antepassados por me permitirem estar neste caminho da Salvação.

Muito obrigada!

102 Views

Partilhar amor

Procura mais alguma coisa?

Relacionados:

Ensinamento do dia
Reminiscência do dia
Ensinamento | Estudo Diário