Conceição Monteiro Francisco – JC Malange Campo – Angola

A importância de materializar a nossa gratidão pelas graças recebidas de Deus e Messias Meishu-Sama.

No mês de março do corrente ano, o meu filho deu-me alguns valores. Retirei o valor do dízimo, mas, como a igreja se encontrava encerrada, guardei os valores. Passado alguns dias, cai na ingratidão e gastei o referido donativo.

Passados alguns dias re-purifiquei com a doença que me fez conhecer a igreja. Como se não bastasse a minha filha que se encontra na província de Luanda, tentou assassinar o marido. Quando me comunicaram o sucedido, fiz um donativo de gratidão. Graças a Deus a minha filha voltou atrás no que queria fazer e o seu marido pediu desculpas pelos erros que havia cometido, causando assim harmonia no lar.

Percebendo que todas aquelas purificações eram decorrentes da minha ingratidão, fiz uma oração de pedido de perdão a Deus e ao Messias Meishu-Sama e fiz um donativo de gratidão com o Sonen de corrigir o meu sentimento de gratidão, pedindo perdão por ter ficado com o que era dos antepassados. Para a minha surpresa ocorreu o seguinte:

O meu filho que é jogador na categoria júnior do clube da Baixa de Cassange, surpreendentemente assinou um contrato com o clube da primeira divisão e passou à jogador sénior. Isso alegrou muito a família pois ocorreu depois de muitos anos de espera e esforço.

Com esta experiência de fé, aprendi que não podemos ser do agrado de Deus se não cumprirmos com a directriz. Quando cumprimos com as orientações sem apego e com sentimento de gratidão é possível sair da pobreza, da doença e do conflito, pois certas purificações surgem na vida, devido ao nosso comportamento negativo, que impede os antepassados de se elevarem.

Agradeço ao Supremo Deus, ao Messias Meishu- Sama e aos meus Antepassados pela permissão de conhecer este grandioso caminho da Salvação.

Muito obrigada!

75 Views

Partilhar amor

Procura mais alguma coisa?

Relacionados:

Ensinamento do dia
Reminiscência do dia
Ensinamento | Estudo Diário