António Mucolo – JC Rio Seco – Luanda

Chamo-me António Faustino Mucolo e sou membro.

Conheci a Igreja Messiânica Mundial de Angola em 2008 por intermédio do meu irmão.

Os motivos que estiveram na base do meu encaminhamento foram: doença, pobreza e conflitos conjugais.

Eu era vendedor ambulante, mas graças a Deus, fui enquadrado nas Forças Armadas.

Após começar a trabalhar, passei a levar uma vida que causava muito sofrimento à família. Comecei a consumir bebidas alcoólicas em excesso, passar noites fora de casa, não apoiava a família.

Quando a esposa chamava-me a atenção eu a maltratava.

Para continuar a satisfazer as minhas necessidades, optei por fazer dívidas com pagamentos de juros, entregando o cartão multicaixa como garantia. A divida chegou a atingir mais de um milhão de kwanzas.

Diante de tal situação, não fiz nada para ultrapassar o problema, porque achava que aquela vida era a melhor e que valia a pena continuar. Este sofrimento durou 9 anos.

Foi neste quadro de sofrimento que conheci a Igreja Messiânica, onde fui ouvido com muita atenção e foram orientadas as práticas básicas messiânicas.

Cumpri com as orientações com dificuldades. Mesmo com ignorância, sem crença na mudança, tive um resultado satisfatório.

Comprei um terreno, uma viatura, comecei a construção da casa própria e deixei de consumir bebidas alcoólicas. Para melhor servir na Obra Divina, decidi me tornar membro, o que se concretizou no mesmo ano.

Após comprar a viatura, comecei a purificar com problemas mentais. Na estrada, via o asfalto a fechar. Haviam momentos em que perdia a noção de onde estava.

Eu cheguei ao ponto de acidentar com a viatura e preocupado, cheguei a vendê-la. Sem compreensão na altura, não fiz donativo de gratidão, gastando apenas na compra de material de construção.

No final do mês de Janeiro, comecei a purificar com problemas do pé. Essa dor não me possibilitava calçar e saiu do pé para o braço direito, que ficou paralisado.

No hospital, mandaram-me voltar doze dias depois. Com isso, decidi comunicar o sucedido ao responsável da unidade religiosa, que orientou-me.

No mesmo dia, o responsável foi à minha casa, a fim de fazer-me assistência religiosa. Ele ministrou-me Johrei durante uma hora. Tive uma crise, durante a qual gritava muito, pedindo ajuda para deitar-me. Minutos depois, pedi ajuda para me pôr de pé e ir ao banheiro com o apoio do responsável. Ao regressar do banheiro, comentei: “O que estava a sentir é algo estranho, como se estivesse a perder a vida!”.

No dia seguinte, o responsável retornou às 6 horas da manhã e para o seu espanto, encontrou-me a lavar os meus calçados! Recebi Johrei e me foram reforçadas as orientações sobre tudo que diz respeito à peregrinação.

Quando cheguei no Solo Sagrado, foi-me dado a dedicação de regar as plantas, que para o meu espanto, comecei a tirar a água do tanque com muita dificuldade e apenas com uma das mãos. Contudo, no decorrer da dedicação, acabei usando as duas mãos. Desde aquele dia, o braço voltou a mover-se normalmente. Fui à nave agradecer pelo milagre recebido de Deus!

Dias depois, o meu filho contraiu um tumor no braço esquerdo, que após dois dias, já estava crescido. Como se não bastasse, a cabeça começou a doer.

Fui ao Johrei Center comunicar o sucedido e me foi orientado a agradecer com donativo e fazer oração as 19 horas com a família e de seguida ministrar Johrei no rapaz acompanhado da leitura de ensinamento de Meishu-Sama.

Após o Johrei as dores cessaram. Conseguiu ir tomar banho e naquela mesma noite, o tumor rebentou.

Como gratidão, materializei um donativo especial!

Aprendi com esta experiência, que Meishu-Sama é o Messias esperado pela humanidade!

O meu compromisso é de aprofundar nas orientações dos superiores!

Agradeço ao Deus Supremo, ao Messias Meishu-Sama e aos meus Antepassados, pela permissão de conhecer este maravilhoso caminho da salvação!

Muito obrigado!

85 Views

Partilhar amor

Procura mais alguma coisa?

Relacionados:

Ensinamento do dia
Reminiscência do dia
Ensinamento | Estudo Diário