“Aqueles que estão muito…”

“Aqueles que estão muito interessados na aprovação

dos outros quase sempre se esquecem de Deus.”

Uma vez que o ser humano olha só o lado superficial das coisas, fica preso apenas às formas. Ele pensa: “As pessoas irão pensar assim ou assado daquilo que eu fiz”. Esse é um problema sério. Por isso eu digo que não se deve objectivar o homem, e sim, Deus. Não há necessidade de sermos queridos pelos homens. Devemos ser amados por Deus. Entretanto, as pessoas querem ser amadas pelos homens. A sociedade em geral é assim, mas Deus é diferente. Muitas vezes, nas outras religiões, quando a pessoa doa dinheiro, por exemplo, ela o faz publicamente, colocando nome e quantia numa tabuleta. Na nossa Igreja não se fica sabendo nada sobre essas coisas; não sabemos quem e quanto se ofertou. Aliás, de nada adianta uma pessoa doar determinada quantia para mostrar-se importante. Nós pensamos no reconhecimento de Deus, e não no reconhecimento dos homens. No reconhecimento de Deus – quero ressaltar esse ponto. Logo, devemos ter o pensamento centralizado em Deus, para sermos amados somente por Ele e para sermos do Seu agrado. Quando temos esse pensamento, a proteção é sempre maior.

Colectânea de Ensinamentos Vol. 9 (15/04/52)

O Pão Nosso de Cada Dia pág. 323

136 Views

Partilhar amor

Procura mais alguma coisa?

Relacionados:

Experiência de fé do dia
Ensinamento do dia
Reminiscência do dia
Ensinamento | Estudo Diário