Actuação dos Espíritos Malignos | 2ª Parte

O bem, na visão de Deus

(…) Não existe nada pior do que alguém dedicar-se devotadamente a uma causa acreditando ser um bem e os resultados mostrarem exatamente o contrário, isto é, que se trata de um mal. Os chamados Incidente de 15 de Maio [2]e Incidente de 26 de Fevereiro[3], ocorridos no Japão, são exemplos disso.

Existem casos extremos em que pessoas importantes agiram acreditando que se tratava de uma boa e correta ação, apostando a própria vida, mas obtiveram resultados às avessas. Incluem-se nesta situação aqueles que recentemente foram condenados e executados como criminosos de guerra.

Ressalto, ainda, um pecado que geralmente passa completamente despercebido. Há indivíduos que se devotam à prática de uma teoria, julgando-a maravilhosa; na realidade, são pessoas dignas de pena, pois estão causando desgraça à humanidade. Logicamente, tais criaturas estão sendo manipuladas pelos espíritos malignos, mas, por terem o cérebro moldado pela ciência, certamente não têm como perceber a situação.

Por outro lado, existem pessoas admiráveis e extraordinárias. Nesta categoria, se enquadram os grandes personagens da história, como os fundadores de religiões, os grandes cientistas autores de novas teorias e descobertas, os consagrados pensadores etc. Muitas dessas pessoas, alguns séculos após sua morte, se tornam alvo de veneração e respeito. Evidentemente, há aquelas que são dignas de admiração, pois sem qualquer parcela de mau pensamento, de interesse ou de ambição pessoal, renunciaram à própria vida, acreditando ser uma causa em prol da humanidade. Todavia, do meu ponto de vista, mesmo nessas realizações, houve aspectos que beneficiaram a humanidade e outros que acarretaram danos. Por esse motivo, a meu ver, não são poucos os casos em que é impossível determinar méritos ou deméritos.

Não resta dúvida de que tais pessoas não têm o menor pensamento maligno, mas pode acontecer que suas realizações sejam úteis até certa época e, depois disso, venham a se tornar prejudiciais e sem valor. Isso também pode ocorrer com cientistas e religiosos. É comum ouvir falar de casos de religiões que eram magníficas na época de sua fundação, mas, com o passar do tempo, perderam o foco, e surgiram dentro delas conflitos, religiosos degradados etc., tornando-se perniciosas. Fato idêntico ocorre na ciência: mesmo certas descobertas que inicialmente encantaram o mundo, muitas vezes, com o passar dos anos, podem vir a ser nefastas.

Em suma, tudo faz parte do Plano do Supremo Deus. Para impulsionar a cultura, o bem e o mal entram em conflito, a luz e a escuridão, o belo e o feio se misturam, e a cultura aproxima-se passo a passo do ideal. Saibam que isto também é a profunda Vontade Divina, insondável por meio da inteligência humana.

25 de Dezembro de 1950, Alicerce do Paraíso vol. 2

 

[1] Título anterior: “Actuação dos demônios”.

[2] Incidente de 15 de Maio: No dia 15 de maio de 1932, jovens oficiais da Marinha japonesa assassinaram o então primeiro-ministro Tsuyoshi Inukai,  que havia aceito as restrições sobre o número de integrantes desta força militar.

[3] Incidente de 26 de Fevereiro: Do dia 26 a 29 de fevereiro de 1936, jovens oficiais do Exército Imperial Japonês fizeram um levante para assassinar diversas autoridades e funcionários do governo japonês, com o intuito de reivindicar reformas sociais.

119 Views

Partilhar amor

Procura mais alguma coisa?

Relacionados:

Experiência de fé do dia
Ensinamento do dia
Reminiscência do dia
Ensinamento | Estudo Diário