Tabita Cunga – JC Benfica – Luanda

Chamo-me Tabita Augusto Cunga, sou membro e dedico como assistente da liturgia. Conheci a Igreja Messiânica Mundial de Angola no dia 23 de outubro de 2020, por intermédio de uma missionária.

A experiência de fé que passo a relatar, está relacionada com o cumprimento das orientações.

Antes de conhecer a Igreja Messiânica, sofri com doenças, pobreza, desemprego, e falta de sorte nos relacionamentos.

Relativamente à doença, sofri com fortes dores e aquecimento na barriga, que mal conseguia dormir, tossir ou respirar.

O meu segundo filho sofria de epilepsia e a sua aparência era idêntica a de um doente mental e qualquer um notava o ar de sofrimento estampado no seu rosto. Devido à situação de desemprego, enfrentei sérias dificuldades financeiras e miséria extrema.

Como não tinha condições de pagar o aluguel de uma casa onde viver, passei a controlar uma casa sem porta nem janela, onde vivia com os meus filhos. Para nos alimentarmos, o meu filho mais velho saía de casa em direção à praia, onde prestava alguns serviços e recebia como pagamento alguns peixes que fervíamos apenas com água e sal. Para tal, eu recorria a bidões de água mineral que servia de carvão. Às vezes, para minimizar a situação, eu recebia alguns produtos e acabava por contrair dívidas, as quais não conseguia pagar. Já passei vários dias sem tomar banho por falta de água e por não ter como comprar.

Tinha também problemas de homem noturno quase todas as noites. Era tanto sofrimento, que fiquei tão magra e desfigurada no que, algumas vezes, também fui tratada de maluca pelo meu ex-marido e a sua irmã. Para toda a família, não havia esperança de vida para mim. De realçar, que apesar de deslocar-me de um lado para o outro, sentia-me tão leve, que parecia que já não havia alma dentro de mim e que a qualquer momento poderia cair em algum lugar. Ou seja, estava mais para o lado de lá do que para cá.

Numa das tentativas para solução do problema, fiquei internada durante um ano em uma denominação Cristã, mas, não obtive resultados. Depois que conheci a Igreja, com o cumprimento das práticas básicas, ganhei a permissão de ter um emprego próximo do Johrei Center, mas, por outro lado a purificação do meu filho acelerou tendo várias crises constantemente, compreendendo que a purificação dele já não tinha solução.

Apesar disso, materializei o donativo de ingresso na fé e tornei-me membro. Continuo aprofundando nas práticas básicas e tenho participado do desafio das 5 horas, sendo que, com estas práticas, obtive os seguintes resultados:

Consegui um emprego melhor que o primeiro e tive a permissão de encaminhar a minha patroa e o seu filho, numa altura em que o jovem sentia fortes dores de dente e toda vez que fosse à clínica para arrancá-lo, os médicos diziam que não era possível. Ao vê-lo a chorar e a sofrer, falei-lhe da Igreja e ele aceitou. Assim que chegou ao Johrei Center, recebeu Johrei, as dores minimizaram e no dia seguinte teve a permissão de extrair o referido dente.

A purificação do meu filho foi se acalmando e hoje, raramente cai! Quando isso ocorre, demora de 1 à 2 meses para voltar a acontecer. Seu semblante melhorou bastante, já tem brilho, sente-se muito feliz e tem recebido vários elogios!

O homem noturno desapareceu, o meu problema foi ultrapassado e hoje sinto-me uma pessoa renovada. A família, que me havia abandonado, quer conhecer aonde vivo e ainda ganhei a permissão de ter aos meus cuidados, uma casa em condições com energia e tanque de água.

O pastor da igreja onde algum tempo atrás fiquei internada, ao deparar-se comigo surpreendeu-se com a minha mudança e aspecto, dizendo o seguinte: “Vais levar-me à igreja que te transformou deste jeito!”. As dívidas desapareceram e hoje posso dizer com toda a certeza, que sou uma pessoa realmente feliz.

Certo dia, enquanto trabalhava, tropecei e caí batendo com as costelas na escada. Como a pancada foi forte, comecei a sentir muitas dores. A minha patroa quis me dar comprimidos para acalmar as dores, mas uma sua amiga que também estava presente, disse o seguinte: “Ela é messiânica e com o Johrei vai passar!”.

Posteriormente, passei no Johrei Center. Fui agradecer pela purificação, materializando um donativo de gratidão e depois passei a receber Johrei até melhorar.

Aprendi que Meishu-Sama é realmente o Messias Salvador, esperado por toda a humanidade!

Tenho a horta caseira, faço os meus donativos correctamente e encaminhei cerca de 38 pessoas à fé messiânica. Cuido de uma casa de frequentador com três pessoas. Nesta casa, todos estavam desempregados, a mãe, o pai e o filho. Após ter feito a dedicação de limpeza e um arranjo floral, o filho ganhou a permissão de trabalhar.

O meu compromisso é de continuar a levar a corda da salvação às outras pessoas!

Agradeço ao Supremo Deus, ao Messias Meishu-Sama e aos meus Antepassados, pela permissão de conhecer este caminho da salvação.

Muito obrigada!

60 Views

Partilhar amor

Procura mais alguma coisa?

Relacionados:

Experiência de fé do dia
Ensinamento do dia
Reminiscência do dia
Ensinamento | Estudo Diário