Rosa Francisco – NJ Camacupa – Região Centro Sul – Bié – Angola

Rosa Cassessa Francisco – NJ Camacupa – Região Centro Sul – Bié – Angola

Sou membro e dedico como Encarregada do Grupo Lua.

A experiência de fé que passo a relatar, está relacionada com a prática da vivência da flor em casa.

Durante três anos, sofri com conflitos familiares, principalmente com o meu cunhado que sempre ameaçava-me de morte, sendo mais frequente quando o meu esposo não estivesse em casa; o cunhado aparecia, criava situações desconfortáveis para me aborrecer e no final me apontava com uma faca dizendo que a única solução era mesmo me matar. Eu, assustada, perguntava a ele qual o motivo de tanta agressão e questionava-lhe da seguinte forma: eu não sou da tua família, viemos a nos conhecer por causa do teu irmão com o qual me casei, durante esse período que me juntei ao teu irmão nunca te fiz mal, porque é que tens tanto ódio de mim? Ele em resposta só dizia: eu vou-te matar…

Este cunhado partiu para o mundo espiritual em 2016, levando consigo o desejo de me matar.

No passado mês de Agosto, tive a permissão de receber a visita da encarregada provincial do Sanguetsu, onde na ocasião realizou a vivência da flor em nossa casa. Ao anoitecer, sonhei com o meu cunhado, onde, no sonho, passou uma senhora coroada e com expressões de nervosismo. Então perguntei ao meu cunhado que estava ao lado, quem era aquela senhora. Ele respondeu: essa senhora é você mesma, no passado eras rainha e me mandaste matar, aquela senhora que está aí naquele buraco.

A referida senhora que estava no tal buraco, saiu e disse para mim: eu vivia nesse lugar há anos por tua causa; então eu queria vingança, por isso usava o teu cunhado que é exatamente a pessoa que usaste no passado para me assassinar. Na altura eu estava grávida, por isso também sofreste com problemas de abortos mas, com essa cerimónia da flor que foi realizada na tua casa, eu consegui sair desse lugar, estou iluminada por isso te perdoei, daqui para a frente, não te vou mais perseguir!

Ao acordar, muito assustada, comecei a tremer. Depois fui até ao altar, onde materializei um donativo de gratidão!

Desde então, passei a sentir-me bastante aliviada, meus filhos que também entravam em constantes desavenças com o pai porque este não cobria as despesas escolares, razão pela qual ficavam sem estudar. Graças a Deus, hoje todos retomaram os estudos e a relação deles com o pai, é ótima.

Com essa experiência, aprendi que, nada acontece por acaso e que muitas das situações que hoje vivemos, têm relação com as nossas vidas passadas. Já não me resta nenhuma dúvida de que, Meishu-Sama é realmente o Messias esperado pela humanidade.

Agradeço ao supremo Deus, ao Messias Meishu-Sama e aos meus Antepassados, pela oportunidade de conhecer este caminho da salvação.

Muito obrigada!

92 Views

Partilhar amor

Procura mais alguma coisa?

Relacionados:

Experiência de fé do dia
Reminiscência do dia
Ensinamento | Estudo Diário