O Princípio da Correspondência e a Purificação

A purificação assume formas diversas devido às suas diferentes causas.

Por exemplo: se as nuvens espirituais são geradas por pecados pecuniários ou materiais, como o roubo ou a apropriação indébita, que causam prejuízos a terceiros, ou porque a pessoa leva um nível de vida superior aos próprios meios, essas nuvens são frequentemente dissolvidas por subsequentes prejuízos materiais. Se tomarmos outros exemplos, como os prejuízos decorrentes de incêndios, fraudes, falências comerciais, grandes despesas com doenças e outras dificuldades, veremos que estas também são expiações por faltas cometidas de ordem material ou pecuniária.

Há muitos exemplos de filhos pródigos que esbanjam enormes heranças. Sem saber, eles estão expiando as culpas que foram acumuladas por seus antepassados. Nesse caso, é o espírito de um antepassado que, muitas vezes, escolhe um dos seus descendentes para cumprir a missão de purificar a família de suas nuvens espirituais, de modo que o tronco familiar possa prosperar e não perecer. Seria, portanto, em vão tentar corrigir tal indivíduo para demovê-lo de sua forma de agir.

No caso de dois filhos, um deles perdulário e incorrigível, e o outro bem comportado, o primeiro, do ponto de vista comum, poderia parecer mau e uma desonra para sua família. Todavia, quando considerado do ponto de vista espiritual, ele não o é. Este irmão está cumprindo a missão de purificar as nuvens do tronco familiar. Assim, nem sempre é possível determinar qual o lado bom ou mau das coisas apenas do ponto de vista humano.

Do mesmo modo, na doença há motivos para as diferentes indisposições, dependendo das nuvens espirituais formadas. Os atos erróneos ocultos aos olhos das outras pessoas, muitas vezes, são purificados por meio de algum tipo de distúrbio de visão.

As palavras duras, cínicas ou ofensivas, penosas de serem ouvidas, podem encontrar purificação através de distúrbios auditivos ou de linguagem. Os atos que criam “dores de cabeça” aos outros podem provocar dores de cabeça naquele que as causou.

Assim, a purificação das nuvens espirituais é inevitável, ocorrendo mais cedo ou mais tarde, de acordo com o Princípio da Correspondência. Se alguém pode escapar do castigo das leis humanas, que são relativas, nunca escapará da Lei Divina, que é absoluta.

Pessoas sinceras, que recebem e ministram Johrei, podem sofrer severas purificações. Curiosamente, quanto mais dedicadas se mostram, mais rigorosas parecem ser, às vezes, suas purificações. A menos que sua fé seja forte, poderão vacilar. Este, entretanto, é um momento muito importante.

Embora as bênçãos de Deus possam recompensá-las por sua devoção, primeiramente suas nuvens espirituais precisam ser dissipadas até certo nível, assim como um prato sujo deve ser limpo antes de ser usado. Se suportarem pacientemente o sofrimento, sentir-se-ão recompensadas muito além da expectativa.

Durante cerca de vinte anos, vi-me atormentado por enorme dívida. Muitas vezes, como ser humano, cheguei a desanimar, mas, em 1941, consegui saldá-la. Logo no ano seguinte, para minha grande surpresa, começou a entrar uma inesperada e grande soma de dinheiro.

Uma pessoa constatou que, depois de ter sofrido prejuízos em decorrência de um incêndio, tornou-se mais próspera. Seus negócios tomaram um melhor impulso após essa purificação. A cidade de Atami também se tornou muito mais próspera depois do grande incêndio de 1950.

O que é bom, é considerado bom naturalmente. O que parece desastroso e calamitoso também é bom, desde que sirva como processo purificador e, quando esse processo terminar, tudo estará melhor. A mesma verdade se aplica à doença. Quem considerar o sofrimento com esta compreensão terá atingido muita iluminação espiritual e muita paz.

Isso, contudo, só pode ser aplicado a quem tiver muita fé em Deus. Os sofrimentos de uma pessoa com pouca ou nenhuma fé só podem dar origem a maiores sofrimentos. Quanto mais impaciente for a pessoa, pior se tornará a situação, atingindo, não raro, proporções desastrosas. O segredo da felicidade está na compreensão e aceitação do Princípio da Correspondência e da Lei da Purificação.

Por Meishu-Sama – Os Novos Tempos

140 Views

Partilhar amor

Procura mais alguma coisa?

Relacionados:

Experiência de fé do dia
Reminiscência do dia
Ensinamento | Estudo Diário