“…como membros, precisamos estar preparados para levar a corda da salvação para as outras pessoas que estão a sofrer…”

👧🏿 CONCEIÇÃO FERRAZ DALA

⛪ CA MORRO BENTO – REGIÃO OESTE

🇦🇴 ANGOLA

Sou membro e dedico como encarregada do Sector do Sanguetsu.

Conheci a Igreja Messiânica Mundial, por intermédio de uma missionária.

Os motivos que estiveram na base do meu encaminhamento, foram: doenças e dificuldades financeiras que, com o cumprimento das práticas básicas orientadas, tudo foi ultrapassado.

A experiência de fé que passo a relatar, está relacionada com a prática do Johrei.

Uma amiga da minha filha que estava grávida de 6 meses e não sentia os movimentos do bebé, como também a sua barriga não desenvolvia, preocupada com a situação, ela desabafou com a minha filha. Aconselhada por ela, a amiga veio ter comigo para receber Johrei antes de ir ao hospital. Bastante aflita e preocupada com a situação que estava a enfrentar, como ela não parava de chorar, acalmei-a dizendo que tudo ia dar certo, porque com Deus tudo é possível. Fui com ela ao retrato e juntas oramos entregando todo aquele sofrimento nas Mãos de Deus e Meishu-Sama. Em seguida, comecei a ministrar-lhe Johrei, foi quando me apercebi de que a barriga dela não era visível de uma mulher grávida de 6 meses, então perguntei a ela se realmente estava grávida e respondeu afirmativamente que sim. Compadecida com a sua dor, pedi ao Supremo Deus e ao Messias Meishu-Sama que me utilizassem como seu instrumento para fazer feliz aquela jovem através da sua luz. Meia hora depois, repentinamente a jovem deu um grito e eu assustada, perguntei o que se passava com ela, tendo-me respondido que pela primeira vez estava sentindo chutes do bebé no ventre, o que a deixou muito feliz. Depois de ministrar, juntas agradecemos e ela foi para casa.

No dia seguinte, a jovem voltou com o objectivo de receber novamente Johrei e contou-me que durante a noite o bebé mexeu bastante; outro detalhe que pude observar, é que a sua barriga apresentava um aspecto diferente do dia anterior e foi em função desse resultado, que ela voltou para receber Johrei, resolvendo ficar em minha casa por 2 meses. Passei a ministrar-lhe bastante Johrei. No oitavo mês da gestação, a sua tia que vive na província de Benguela, levou-a para cuidar dela depois do parto. Graças a Deus e ao Messias Meishu-Sama, semanas depois, a jovem ligou para mim me comunicando que deu à luz a um lindo menino saudável. Fiquei muito feliz e agradecida pelo milagre vivenciado e por ter tido a permissão de ser utilizada para servir como instrumento de Deus e Meishu-Sama a fim de levar a luz na vida dessa jovem.

Com esta experiência aprendi que, como membros, precisamos estar preparados para levar a corda da salvação para as outras pessoas que estão a sofrer. Aprendi ainda, que o Johrei é um método de criar felicidade. 

Agradeço a Deus, ao Messias Meishu Sama e aos meus Antepassados, pela permissão de conhecer este caminho da salvação.

Muito obrigada!

93 Views

Partilhar amor

Procura mais alguma coisa?

Relacionados:

Experiência de fé do dia
Reminiscência do dia
Ensinamento | Estudo Diário