“… é importante cumprir com as orientações superiores…”

🙎🏿‍♀️Maria do Rosário Mateus Alósía | Região Luanda Leste- Johrei Center 1 de Junho

📍 Província de Luanda

🇦🇴ANGOLA

Sou  membro e dedico como encarregada do Sector de Pesquisa Científica (Saúde Pública) da região.

Conheci a Igreja Messiânica, por intermédio de uma missionária.

Os motivos que me levaram a conhecer a Igreja, foram; doença, conflito e dificuldades financeiras, mas o que mais me abalava, era a perda constante dos meus familiares todos os anos, começando pelos meus pais, situação que eu também passei, perdendo o meu neto, filho da minha terceira filha que hoje já estaria com 21 anos de idade.

De realçar que eu não gostava da igreja, achando que a minha era a melhor, pois quando os membros iam acarretar água na minha casa, eu corria com eles.

Tinha um missionário, que sempre oferecia-me Johrei, mas eu não aceitava; como naquela altura eu vendia sopa, aparecia sempre um membro em minha casa às 5:h da manhã, para tomar sopa, pedindo de seguida 3 cervejas; em conversa, falava sobre a igreja e eu dizia o seguinte: “toma só a tua sopa, não fala da sua igreja”!

Foi neste quadro de sofrimento que apareceu a irmã acima referida, que me encaminhou à Igreja onde, atendida pelo plantonista, recebi as orientações que cumpri e tudo foi ultrapassado. Para agradecer, tornei-me membro. Depois da outorga, purifiquei bastante com hemorragia, disenteria, urinando de 5 em 5 minutos, deixando os meus familiares muito preocupados. Foi aí que os acalmei, explicando-lhes que era uma limpeza das toxinas acumuladas no meu organismo, por causa dos medicamentos que tomei durante vários anos.

A experiência de fé que passo a relatar, está relacionada com o Sorei- Saishi e com o cumprimento das orientações superiores.

Eu vinha enfrentando conflitos com a minha terceira filha, sempre que ela viesse visitar-nos; esta situação foi-se agravando cada vez mais, tomando proporções alarmantes, não sabendo eu, mais o que fazer. Foi quando notei que começava a perder o afeto materno, tendo decidido ir à procura da minha mãe, para que ela me explicasse como tinha sido o seu passado com a mãe, ou seja, com a minha avó. A minha mãe ainda perguntou-me se eu queria mesmo saber o que havia acontecido no seu passado, ao que respondi que sim.

Ela explicou-me que a minha trisavó e a minha bisavó (mãe e filha) também viviam em conflitos, até que morreram sem se falar. Foi assim que fui à unidade religiosa ter com o meu superior, que perguntou-me se eu já havia feito o Sorei-Saishi delas; ao responder que não, disse-me que, aquilo era um pedido de socorro, como estávamos na véspera do culto as almas dos Antepassados, o melhor seria fazer o Sorei-Saishi das mesmas. Depois de ter feito o Sorei-Saishi, passado algum tempo, a minha filha mudou de comportamento, o conflito foi ultrapassado, voltando a harmonia a reinar entre nós. Para agradecer, materializei um donativo de gratidão.

– Uma colega, durante o trabalho, teve uma recaída; como todos sabem que sou membro da Igreja Messiânica, chamaram-me de imediato, começando a ministrar Johrei com a leitura do ensinamento de Meishu Sama. Passados alguns minutos, ela recuperou e foi para casa. No dia seguinte, veio agradecer-me e convidei-a a conhecer a nossa Igreja. 

Aprendi que, é importante cumprir com as orientações superiores. 

Agradeço ao supremo Deus, ao Messias Meishu Sama e aos meus Antepassados, pela permissão de conhecer este caminho da salvação.

Muito obrigada!

Maria do Rosário Mateus Aloísia

70 Views

Partilhar amor

Procura mais alguma coisa?

Relacionados:

Experiência de fé do dia
Ensinamento do dia
Reminiscência do dia
Ensinamento | Estudo Diário