“… o esforço na peregrinação aos lugares de maior luz abre as portas…”

🙎🏿‍♀️Rosária Ngenohaso | Região Norte-Sul- Centro de Aprimoramento do Cunene

📍Província do Cunene

🇦🇴ANGOLA

Sou missionária e dedico como responsável do Núcleo de Johrei do Caculuvale.

Conheci a Igreja Messiânica em 2011, por intermédio de uma missionária. Os motivos que me levaram a conhecer a Igreja, foram: doenças, conflitos, dificuldades financeiras, dores de bexiga; sentia como se algo estivesse a andar em meu rosto como se fosse formigueiro e tinha maus sonhos. Este sofrimento durou dez anos.

Depois de cumprir com as orientações recebidas durante um mês sem vacilar tudo foi ultrapassado.

A experiência de fé que passo a relatar para os irmãos está relacionada com a peregrinação aos lugares de maior luz.

Uma semana após o meu regresso, do culto às almas dos Antepassados na Sede Central de África, a minha casa foi assaltada; levaram uma garrafa de gás butano e outros bens.

Agradeci e materializei um donativo de gratidão, em seguida dirigi-me a uma esquadra policial mais próxima e informei o ocorrido. No dia seguinte recebi uma ligação da polícia da referida esquadra informando-me que já tinham recuperado as minhas coisas e os marginais já estavam presos.

Com esta graça recebida materializei mais um donativo de gratidão e fui à busca das coisas.

Outras ocorrências

Fui chamada pelo o meu sobrinho; colhi flores na minha horta caseira e fui para lá, encontrei a família reunida, todos estavam à minha espera, logo que cheguei pediram-me que fizesse uma oração e assim o fiz, ao terminar a oração, o meu sobrinho disse: “daqui em diante a paz, a harmonia, assim como a luz de Deus e a união familiar permanecerá entre nós, o sofrimento acabou”. Com essa harmonia aproveitei para falar sobre a importância da flor e tive permissão de fazer uma vivência da flor e no final ofereci em cada membro da minha família. Foi um momento de fraternização, coisa que eu não esperava, hoje me sinto muito feliz. De realçar que na família não tínhamos harmonia devido aos conflitos e a partir daquele dia nos harmonizamos.

Certo dia emquanto distribuía flores, a partir da minha casa me deparei com uma vizinha e notei que ela tinha um semblante de tristeza, perguntei-lhe o motivo, ela me disse que há três anos não tinha paz em seu lar, vinha sofrendo com conflitos conjugais, o esposo batia nela e para agravar a situação, naquele mesmo dia, o seu esposo havia saído, pediu-lhe para arrumar as suas coisas e abandonar a casa.

Perguntei-lhe se ela aceitaria receber uma oração? Ela aceitou! Ministrar-lhe Johrei durante uma hora, fiz a limpeza das teias de aranha e vivência da flor.

No dia seguinte, às 7h da manhã fui à casa dela saber como havia passado à noite, encontrei-a a dormir, quando acordou, começou a chorar de emoções e perguntou-me qual é a minha Igreja. Ao dizer-lhe que sou da Igreja Messiânica Mundial, ela contou-me que quando o esposo voltou não falou mais nada, harmonizaram-se e naquela noite tiveram um sono profundo. Ministrei Johrei ao casal, fiz horta caseira para eles tornaram-se frequentadores.

Um frequentador que há três anos vivia em conflitos com as filhas, onde as mesmas resolveram sair de casa, deixando de falar com ele, depois de materializar um donativo de gratidão pela purificação e tomou a decisão de passar a participar dos desafios de oração das 6h, duas semanas depois dessa prática o quadro mudou. As filhas voltaram para a casa, pediram perdão ao pai e uma delas está a frequentar a nossa igreja.

Uma frequentadora, que sofria com dores de cabeça e nos membros superior causando-lhe paralisia dos mesmos durante 8 anos, foi orientada a receber Johrei, participar nos desafios de orações das 6 horas, cultos matinais e vesperais; depois de um mês com esta prática, o seu sofrimento desapareceu. Como gratidão encaminhou 5 famílias e cuida de duas casas de frequentadores.

Aprendi que o esforço na peregrinação aos lugares de maior luz abre as portas para sermos utilizados por Messias Meishu-Sama na construção do paraíso terrestre.

 O meu compromisso é de continuar a profundar na directriz do momento, levar a corda da salvação para as outras pessoas.

 Agradeço a Deus, Messias Meishu-Sama aos meus antepassados a permissão de servir à obra divina.

Muito obrigada!

Rosária Ngenohaso

59 Views

Partilhar amor

Procura mais alguma coisa?

Relacionados:

Experiência de fé do dia
Ensinamento do dia
Reminiscência do dia
Ensinamento | Estudo Diário